O Brasil passa por um momento sólido em relação ao mercado de trabalho. Nos últimos meses, a taxa de desemprego no país atingiu seu menor patamar desde 2002. E isso só aumenta a expectativa dos brasileiros no que diz respeito às oportunidades de trabalho.

consultor de carreira Robson Caetano Pinto comenta que os trabalhadores atuais anseiam pela sua qualidade de vida, e esse desejo continuará a ganhar mais força daqui pra frente. Além disso, estes profissionais se sentem pressionados pelas empresas, para terem mais qualificação e competitividade, mas não sentem que dessa forma serão recompensados.

“A maioria está insegura e preocupada com o cenário atual, a maior reclamação é de que as organizações exigem muita qualificação e, muitas vezes, oferecem uma remuneração muito baixa”, explica o consultor.

Um levantamento feito pela consultoria americana Louadler Group apontou algumas previsões de mudança, que ocorrerão até o ano de 2025, na forma como as empresas contratam e como fazem a gestão de seus profissionais. Confira abaixo:

1. O talento será uma estratégia de negócios

Os líderes de empresas finalmente perceberão que a contratação de grandes talentos é a coisa mais importante, todos serão avaliados à medida que fizerem isso bem.

2. A eliminação da exigência

Idioma, formação acadêmica e experiências não serão mais tão relevantes na hora de recrutar candidatos.  À medida que se identificar quem é adequado e motivado para fazer o trabalho exigido pela circunstância real, o nível exato de competências, experiências e formação acadêmica necessário. Essa mudança também vai abrir o leque de perspectivas para profissionais de todos os tipos, independentemente da idade ou limitações físicas.

3. A meritocracia se tornará totalmente eficaz

A avaliação do profissional será baseada em complexidade do trabalho, os tipos de decisões tomadas, subjacente condições de negócio e pressões, estrutura organizacional e sofisticação, e amplitude da responsabilidade dentro da equipe.

4. Empresas finalmente perceberão que os melhores profissionais não estão interessados em provar suas habilidades

É bastante óbvio que se uma organização quer fazer uma grande contratação, ela precisa oferecer uma ótima oportunidade de carreira. A tradicional publicação de vagas de trabalho será banida, o recrutamento será baseado em história, enfatizando o que a pessoa pode fazer, aprender e tornar-se , não as habilidades que ela deva ter.

5. Constante atualização do currículo

Os profissionais continuarão mais atentos às oportunidades do mercado, mesmo enquanto empregados. Eles expandirão sua rede profissional, irão a mais eventos relacionados à carreira, além de procurarem saber com certa frequência como anda a média salarial seu cargo. Esse movimento deixará o cenário de emprego mais dinâmico, consequentemente gerando uma competição saudável entre as empresas para manterem seus melhores colaboradores.

Fonte: Tendências de gestão corporativa para 2025 | Portal Carreira & Sucesso

REMOVER TODOS
COMPARE
0