Seja o gestor de RH que as empresas buscam

Ser o profissional de RH ideal implica em ser criativo, ousado, estar atento à empresa e ao mercado em que atua. Ser capaz de gerir o capital humano da empresa, o bem mais precioso da companhia

O perfil do profissional de Recursos Humanos mudou. Hoje, para se destacar nessa função é preciso muito mais do que apenas contratar, cuidar da administração de pessoal e fazer gestão da folha de pagamento. É necessário atuar de forma estratégica e integrada aos objetivos da empresa, ter uma visão voltada ao crescimento da organização, entender com profundidade o mercado profissional em que a companhia atua, assim como promover ações internas que tenham como meta fazer os colaboradores renderem mais e com qualidade superior. Sobretudo, cabe ao profissional de RH identificar qual é a causa e os principais valores de sua empresa e comunicar isso a todos os profissionais de forma eficaz.

Devido à ampliação no escopo de atuação, atualmente, há profissionais das mais diversas áreas trabalhando neste setor: são advogados, psicólogos, pedagogos, engenheiros, administradores, marqueteiros, entre outros. O mais importante, neste contexto, é humanizar a gestão ao lidar com o capital humano e possuir espírito de liderança.

Além da segunda língua, que muitas outras áreas buscam no mercado, este profissional precisa ter especializações focadas em gestão de pessoas, pois quanto mais souber promover ações que motivem os profissionais, melhor será o rendimento deles no trabalho e menos perdas haverá na companhia. Para tanto, algumas posturas são bastante importantes, como entender o mercado em que a empresa atua, conversar com os principais executivos para entender quais sãos as “causas” da organização, ou seja, onde ela quer chegar e como quer ser reconhecida e, por fim, se inteirar do que cada área precisa. Só assim, o gestor de RH conseguirá gerir toda a empresa de forma efetiva. Não é necessário ser um expert, mas é preciso conhecer.

Capacidade de liderança é outra característica das mais buscadas nesse profissional, afinal, para gerenciar pessoas você precisa, além de governança, conquistar a simpatia e a confiança de todos. É fundamental que acreditem nos seus valores, metas, objetivos, confiem e queiram conversar com você e com toda a sua equipe. A área de RH das empresas precisa estar aberta às pessoas para entender suas dificuldades e, a partir delas, promover ações para ajudá-las e, assim, melhorar cada vez mais a atuação de todos na empresa.

Ouça os profissionais que atuam com você. Preste atenção nas principais queixas ou, ainda, nas dificuldades pontuais apontadas pela equipe. Criatividade e ousadia para driblar os desafios são características essenciais.

Tenha em mente que a gestão de pessoas é o grande diferencial entre as empresas. Dessa forma, você pode ser o divisor de águas entre uma companhia mais ou menos lucrativa. Aplique uma pesquisa de clima para entender o que os colaboradores estão pensando, deixando claro o canal aberto com a sua área. Motive os funcionários criando programas de incentivos, como cursos, bônus, plano de carreira, iniciativas voltadas à qualidade de vida, enfim, reconheça o trabalho realizado, assim o profissional trabalhará com mais satisfação.

Ser o profissional de RH ideal implica em ser criativo, ousado, estar atento à empresa e ao mercado em que atua. Ser capaz de gerir o capital humano da empresa, o bem mais precioso da companhia.

Ana Flávia Stella – Gerente da área HR Solutions na Randstad Professionals.

Fonte: Administradores

REMOVER TODOS
COMPARE
0