Saiba tudo sobre sobre inteligência digital para marketing e vendas

Tudo que você gostaria de saber sobre inteligência digital para marketing e vendas

O que é marketing de vendas?  O que é inteligência digital? Como ela ajuda o setor de marketing?

Essas e outras perguntas tem rondado o novo universo comercial das empresas.

Por isso, preparamos um conteúdo exclusivo para ajudar você a se guiar nesse universo que está na pauta diária dos executivos atuais.

 

Saiba tudo aqui. Continue a leitura conosco.

 

O que é marketing de vendas?

Vamos começar pela pergunta principal. Afinal, o que é marketing de vendas?

Como todo mundo sabe, marketing e vendas são coisas ligadas, mas não iguais. O marketing busca entrar em contato com os consumidores e clientes de um negócio. E as vendas são atividades comerciais em si.

Não basta ter o melhor produto do mercado, é preciso ter a estratégia de comunicação necessária que faça as pessoas se interessarem por ele. É aí que entra o marketing de vendas.

São as estratégias deste setor que farão o produto ser notado, seja por campanhas, promoções nas lojas, a presença de promotoras em feiras e exposições, ações na internet… Enfim, uma série de opções disponíveis que a equipe de vendas e o setor de marketing definem juntos para produtos ou serviços.

O objetivo é estabelecer um funil de vendas ou uma jornada de compra que, em parceria com a área comercial, traga o consumidor como mero interessado até virar o maior interessado na marca.

Tudo que você gostaria de saber sobre inteligência digital para marketing e vendas
Tudo que você gostaria de saber sobre inteligência digital para marketing e vendas

Como é trabalhar com marketing e vendas?

O marketing pode ser o setor da área comercial responsável por elaborar pesquisas de mercado visando entender, por meio das redes sociais ou outras ações de marketing, o ambiente de negócios da empresa.

Ou seja, conhecer o perfil dos clientes que a empresa pretende atingir e compartilhar este perfil com o setor de vendas.

Para isso, a área de marketing estabelece um plano de marketing. Esse plano deve respeitar a política de privacidade dos clientes e só atuar sobre a autorização deles. Esta é apenas uma das regras que a área deve seguir.

As ações de marketing tentam elaborar atividades para derrubar quaisquer barreiras que possam existir entre as marcas e os clientes.

Por isso, ela usa e abusa das redes sociais, aproveitando todas as vantagens que a tecnologia nos traz por meio dos smartphones, pelo hábito do consumo dos clientes, pelas pesquisas de opinião que podem ser feitas até no ambiente virtual.

Os consumidores também estão, a cada dia, mais informados e exigentes. Buscam mais dados das marcas, querendo saber como elas se comportam diante da poluição, do uso de matérias-primas tóxicas, se utilizam animais para testar seus novos produtos, se tem parceiros e fornecedores que são ambientalmente e socialmente responsáveis.

Tudo isso faz com a equipe de marketing tenha que ser mais atualizada e conhecedora dos temas mais discutidos na internet, nas redes sociais, nos jornais, revistas, rádio e TV. Tudo para que possa se precaver e precaver a marca que defendem, atraindo mais e mais consumidores e parceiros de negócio todos os dias.

 

O que faz um gestor de marketing e vendas?

Esta não é uma pergunta simples. São muitas as atribuições do cargo e muita pressão pelo bom desempenho também. Vamos a algumas das atividades:

  1. Contratar e treinar vendedores

Quem melhor para selecionar e fazer o treinamento dos vendedores da empresa do que o gestor de marketing e vendas? Esta é outra das funções deste executivo: escolher vendedores conforme o perfil e segmento de atuação da empresa. Além disso, é preciso treinar sua equipe de vendas e capacitá-la, para que tenha as habilidades necessárias ao atingir suas metas e entregar resultados.

– Integrar marketing e vendas

Como a gente conversou acima, são duas áreas que devem estar sempre ligadas: marketing e vendas. Este é outro papel do gestor das áreas. Com equipes em sintonia, os resultados chegarão mais rápido, de maneira harmônica entre as áreas.

– Estabelecer o posicionamento da marca

Toda companhia deve ter algo só seu, algo que faça a diferença dela no mercado. Isto é, aquele benefício principal que a faz ser a preferida dos clientes, em vez da marca dos concorrentes. Por exemplo: o diferencial da Microsoft são os seus programas para a computação do dia a dia, comum em qualquer escritório. No caso do McDonald’s, o diferencial pode ser o sabor único dos seus hambúrgueres.

Outro item fundamental é ter um definido público-alvo. Enquanto os clientes corporativos da Microsoft são os escritórios em todo o planeta, a rede de hambúrgueres atende a todas as famílias, amigos, casais de namorados interessados em se divertir comendo lanche.

Posicionamento é a combinação entre elementos diferenciais e correta segmentação (o público-alvo em si). Esta aí uma das principais atividades do gestor de marketing e vendas.

– Colaborar com e compartilhar o planejamento de vendas

O planejamento das metas e ações de vendas fazem parte do plano de marketing. E eles envolvem o trabalho de toda a equipe de vendas e profissionais de marketing por meio de promoções, ações de vendas, ofertas, propagandas, quais itens de consumo ou de serviço vender mais ou menos, como explorar os períodos do ano e datas comemorativas, em seguida, definir o quanto será preciso vender a cada mês.

– Estabelecer o conjunto de áreas de atuação do marketing da empresa

Você deve conhecer os tais 4P do Marketing. São eles: preço, produto, praça (ou ponto de venda) e promoção (ou divulgação). Um gestor de marketing e o que atribui cada um desses itens chamados de mix do marketing, em parceria com área comercial, para ajudar a atingir os objetivos de seu plano de marketing.

 – Planejar as ações de marketing

O planejamento de marketing faz parte do planejamento estratégico da organização, mas destaca as atividades que o marketing deve executar para que a empresa atinja seus resultados.

O que faz um executivo de marketing com isso? Ele é o responsável pelas metas e objetivos do setor e por definir as ações necessárias para se conseguir esses resultados.

– Contribuir e discutir as metas de vendas

Esta é uma das partes mais importantes do trabalho do gestor de marketing e vendas. Como estabelecer as metas e as contas de vendas mês a mês ou ano a ano? Um dos principais eixos é a sazonalidade. Sabemos que, no final do ano com 13º salário e festas, as pessoas compram mais. Definido isso, ele compartilha as cotas de vendas para membro da área comercial, com as metas que devem bater para receber bônus e comissões.

– Pesquisar e analisar dados de Costumer Relationship Management (CRM)

Os profissionais e gestores de marketing precisam de mensurações confiáveis para planejar suas atividades com base em dados. É nesta área que o curso de Pós-graduação em Inteligência Digital em Marketing e Vendas do IBE atua, atualizando seus alunos sobre as novas dinâmicas destas avaliações.

Para conhecer os clientes, eles usam ferramentas de Customer Relationship Management (CRM). São bases de informações dos clientes com resultados de pesquisa de satisfação, dados de geolocalização, idade, gênero e tudo mais que facilite se conhecer e estabelecer melhor contato com os consumidores.

– Acompanhar resultados e ajustar rumos

Todas as ferramentas que a área de vendas e a área de marketing possuem são para conduzir e controlar os números e indicadores de desempenho da companhia. Um sistema bem definido é capaz de indicar a melhor decisão a tomar diante de um desafio comercial.

– Gerenciar a área comercial e área de vendas

Com um time bem selecionado e bem treinado, é hora de fazer toda a gestão da equipe. Isso envolve acompanhar resultados, dar retorno aos agentes (feedbacks), premiar talentos, apoiar e dar suporte quando houver conflitos na equipe, transferir tarefas, promover os melhores vendedores, fornecer novos apoios, entre outras centenas de atividades.

 

Tudo que você gostaria de saber sobre inteligência digital para marketing e vendasQuanto ganha um profissional de marketing e vendas?

Esta é uma dúvida que muitos tem e muito difícil de se determinar a resposta mais correta. Tudo depende de onde o profissional atual, qual sua descrição de cargo, o segmento ou mercado que a empresa que ele integra faz parte e até a cidade ou o estado onde ele trabalha.

Na região metropolitana de Campinas, por exemplo, a média salarial de um gerente de marketing é de R$ 14 mil. Mas você pode consultar outros salários conforme cargo e localização em sites como o Glassdoor.com.

 

Como o curso de Pós-Graduação em Inteligência Digital em Marketing e Vendas  do IBE pode ajudar você?

É simples.

Como você viu acima, o curso pretende estruturar um planejamento estratégico digital com foco em técnicas eficazes de branding para o atual cenário mercadológico.

Clique aqui para saber mais sobre o programa.

Ele também busca apresentar as melhores práticas de SEO e SEM para desenvolver estratégias para Marketing de Busca e oferecer recursos de marketing digital com o conceito data-driven, Big Data e Data Science Marketing; aplicar técnicas e metodologias que facilitam a gestão de projetos de marketing digital nas mais diversas plataformas levando em conta branding e ads; familiarizar os alunos com os conceitos e as técnicas modernas da gestão a partir de referências da ESG e Transformação Digital; e oferecer fundamentos para os alunos se tornarem líderes empreendedores, tanto no ambiente das organizações para as quais trabalham, quanto no desenvolvimento de negócios próprios.

Por isso, ele é indicado para profissionais graduados em áreas como marketing, publicidade, administração, jornalismo, comunicação ou tecnologia da informação que atuem ou desejam atuar no mercado de varejo, serviços ou branding e desejam aperfeiçoar seus conhecimentos, assim como aprender e desenvolver técnicas de gestão estratégica de marketing digital para alavancarem suas carreiras ou empreenderem.

O programa conta com disciplinas como Modelo de Negócios Digitais e Inteligência Competitiva; Mídias Sociais: Planejamento, Implementação e Monitoramento; Marketplace e Omnichannel; Comportamento do Consumidor e User Experience; Planejamento Estratégico de Marketing Digital; Protótipos e MVP; Modelo de Remuneração e Partnership; Máquina de Vendas: Growth, ferramentas e KPIs. E ainda tem módulos complementares e módulos internacionais, que você pode concluir opcionalmente, em universidades como Stanford, Oxford e de Miami.

Gostou do nosso conteúdo? Acesse também nosso blog para ficar por dentro das novidades e tendências do mundo de negócios.

Entre em contato com o IBE e saiba mais sobre esta incrível oportunidade de se atualizar na carreira.

Fique por dentro

Assine nossa Newsletter e receba as novidades por email