O que é Coaching?
Sergio Miorin
 
Coaching, muito usado no mundo dos negócios, é extremamente essencial para o desenvolvimento das pessoas. Mas quando se iniciou o coaching? Ou pelo menos com essa palavra? Iniciou-se na Inglaterra meados de 1500 como coach, tendo o significado de carruagem/transporte; em 1850 o termo coachera sinônimo de tutor, começou a ser utilizado nas Universidades da Inglaterra; em 1950 a palavra se modifico, passou a ser coaching,  habilidade de gerenciamento de pessoas; em 1960, no Canadá, acresceu o tema resolução de problemas; e em 1980 a palavra deu ainda mais um passo, foi incrementada para coaching executivo;disciplina poderosa no desenvolvimento de pessoas. Fonte histórica: Grupos de
Estudos Coaching da ABRH – Associação Brasileira de RH. Muitas pessoas confundem consultoria comcoaching; a consultoria trata processos e o coaching de pessoas. Os executivos de sucesso necessitam lidar com constantes mudanças e pressões de vários níveis de complexidade. Nós temos grandes nomes docoaching, entre eles: Timothy Gallwey, Marshall Goldsmith e John Whitmore. Conforme John Whitmore,coaching não é meramente uma técnica a ser rigidamente aplicada em determinadas circunstâncias, é uma forma de gerenciar, uma maneira de tratar as pessoas, uma forma de pensar, uma maneira de ser.
É libertar o potencial de uma pessoa para maximizar sua performance. Não é ensinar, é auxiliar a pessoa a aprender. A SM Consultoria Treinamentos e Palestras possui um programa de coaching executivo,destinados a CEO – Chief Executive Officer (principal executivo de uma organização, maior autoridade na hierarquia), que pode ser chamado de presidente, superintendente ou mesmo diretor geral. O CEO é responsável pelas estratégias, pelo planejamento e pela visão da empresa. Profissionais que têm visão macro do negócio, principalmente com habilidades de gerir pessoas e de comunicação. E quais são os benefícios do coaching executivo? Esses benefícios já são conhecidos no mundo todo, entre eles, os que mais utilizam são USA e Europa, coincidentemente, países desenvolvidos de primeiro mundo. Pesquisa realizada pela PUC/Campinas, com 10 executivos que passaram por esse treinamento, apontou que 100%  aperfeiçoaram a capacidade de ouvir; 80% melhoraram a flexibilidade; 90% melhoraram a produtividade, 80% se mostraram mais abertos as mudanças organizacionais e 70% deles conseguiram melhorar o ambiente organizacional e o relacionamento no trabalho.

 

Sergio Henrique Miorin é Graduado em Engenharia Elétrica modalidade em Eletrônica pela USF – Universidade São Francisco, Pós-Graduado Especialista em Engenharia de Redes e Sistemas de Telecomunicações pelo INATEL – Instituto Nacional de Telecomunicações, Pós-Graduado Especialista MBA em Gestão Empresarial pela FGV – Fundação Getúlio Vargas e mestrando em Educação pela Unisal. É Diretor Geral da SM – Consultoria, Treinamentos e Palestras, colunista no Jornal de Valinhos, consultor de empresas e leciona em instituições de ensino, em cursos técnicos, graduação, pós-graduação especialização e pós-graduação especialização MBA como: IBE/FGV,
Prof Sergio Miorin
Fonte: http://www.panoramadenegocios.com.br/2014/07/coluna-do-professor-sergio-miorin.html
REMOVER TODOS
COMPARE
0