Motivações além do salário

Motivações além do salário
Viviane Gonzalez
As mudanças comportamentais dos últimos tempos, também alteraram o perfil do profissional no mercado de trabalho, é óbvio. Não se trata apenas das características distintas de cada geração – X, Y ou Z -, e sim daquilo que todas elas desejam como ponto comum. Afinal, o que motiva o trabalhador hoje em dia, além do salário justo?
Existem algumas coisas que não são negociáveis para a maioria dos profissionais, atualmente. Se antigamente a primeira coisa que um candidato perguntava era o salário da função pleiteada, hoje em dia ele quer saber de outras coisas igualmente importantes para ele, ou ainda mais. São os benefícios oferecidos, condições de trabalho, perspectivas de crescimento e, até reconhecimento do chefe, que são colocados na ponta do lápis, na hora de procurar emprego ou aceitar uma nova proposta.
Com uma rotina altamente estressante, principalmente nos grandes centros, o profissional não deseja ser ótimo somente no trabalho. Faz parte desse ciclo de mudanças na sociedade o desejo de ser feliz e realizado em todos os aspectos da vida. Então, também é importante investir na família, nos amigos, em treinamentos em esporte ou lazer porque os resultados serão refletidos também na sua forma de atuar na empresa.
Apesar de alguns segmentos estarem passando por instabilidade econômica, existe um tipo de colaborador que a empresa não quer perder: o profissional motivado ou melhor o profissional auto motivado. Não é o que ganha mais ou menos, trabalha mais horas que todo mundo ou vive na cola do chefe. O profissional motivado faz toda a diferença e tem alto nível de excelência no exercício das tarefas.
A simples troca de dinheiro por produção não gera satisfação ao empregado. Trata-se apenas de uma recompensa, que seria dada a qualquer um e não provoca sentimentos de realização ou motivação, por um trabalho bem feito, por exemplo.
As empresas já perceberam que o salário é apenas um fator e não o objetivo maior dos profissionais. E devido a essas nuances do mercado, os headhunters também já estão preparados para os questionamentos dos candidatos. Eles sabem que para atrair os melhores, as empresas devem oferecer outras motivações, como prêmios por resultados, treinamentos, plano de carreira, incentivo para idiomas, e até horário flexível, além do salário.
Em muitos casos ter um bom ambiente de trabalho é mais importante que o pacote salarial. Hoje em dia o Executivo busca qualidade de vida, seja em casa ou na empresa onde atua.
Sócia Fundadora da Weplace, Viviane Gonzalez acumula mais de 9 anos de experiência em Executive Search. Atualmente é a responsável pela Weplace Talent, baseada em Campinas, que assessora clientes na busca por talentos e futuros líderes para suas organizações. Viviane é graduada em Administração de Empresas pela PUC-RS e tem MBA em Marketing pela FGV
Fonte: Panorama de Negócios

Fique por dentro

Assine nossa Newsletter e receba as novidades por email
// Acesso rápido
Get in touch

872 Arch Ave. Chaska, Palo Alto, CA 55318
[email protected]
ph: +1.123.434.965

Work inquiries

[email protected]
ph: +1.321.989.645