Plantão IBE_vacina Contra Gripe
Plantão IBE_vacina contra gripe

O Governo do Estado de São Paulo decidiu liberar a vacina contra a gripe para pessoas de todas as faixas etárias a partir de amanhã (1º). A medida foi definida após reunião com especialistas e visa à proteção da população contra o vírus Influenza, reduzindo o número de pacientes com sintomas respiratórios na rede de saúde de SP.

A campanha também foi prorrogada oficialmente até 24 de julho e a população poderá ser vacinada enquanto houver doses disponíveis nos postos. A vacina é segura, eficaz e protege contra as complicações da gripe, como pneumonias.

Coronavírus e a vacina contra gripe

A vacina contra a gripe não imuniza contra o novo coronavírus, mas a campanha é fundamental para reduzir o número de pessoas com sintomas respiratórios nos próximos meses. “Além de proteger a população contra a Influenza, precisamos minimizar o impacto sobre os serviços de saúde em meio a pandemia de COVID-19, já que os sintomas destas doenças são semelhantes”, diz o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.

A orientação aos profissionais que trabalham na campanha é para que haja organização da fila e do ambiente. Além disso, é importante realizar uma triagem com identificação de sintomático respiratório – presença de febre, tosse, coriza e falta de ar. Se a pessoa apresentar febre ou mau estado geral, deve ser colocada máscara no paciente e adiada a vacina, com recomendação para seguir o isolamento domiciliar.

Embora a imunização não esteja mais restrita aos grupos prioritários, a Secretaria de Estado da Saúde faz um apelo especial para a importância de ampliar a cobertura vacinal entre crianças com idade de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas, pois os índices nestes públicos ainda são inferiores a 60%.

Até a última semana, mais de 14,2 milhões de doses da vacina contra o vírus Influenza foram aplicadas em SP, com 86,1% de cobertura entre os grupos prioritários. A meta de alcançar 90% da população-alvo foi atingida entre alguns públicos, alcançando 5,8 milhões de idosos (100%); 1,5 milhão de profissionais da saúde (100%) e 6,7 mil indígenas (100%).

Em 2020, o Instituto Butantan entregou ao Brasil 75 milhões de doses da vacina, 10 milhões a mais em comparação a 2019. Neste ano, as doses são constituídas por três cepas de Influenza: A/Brisbane/02/2018 (H1N1)pdm09; A/South Austrália/34/2019 (H3N2); e B/Washington/02/2019 (linhagem B/Victoria).

E como estão as expectativas do mercado?

De acordo com o Infomoney divulgou hoje, o Ibovespa Futuro abriu em queda nesta terça-feira (30), registrando um desempenho mais fraco que o das bolsas europeias e dos futuros dos índices dos Estados Unidos no último pregão do semestre. Enquanto isso, o dólar comercial sobe 0,57% a R$ 5,4536 na compra e a R$ 5,4561 na venda. Já o dólar futuro para julho opera em alta de 0,84% a R$ 5,454

A preocupação que está no radar dos investidores, apesar de dados fortes dos EUA e da China, é com a nova ameaça do coronavírus. Tedros Adhanom Ghebreyesus, presidente da Organização Mundial da Saúde (OMS), disse ontem que a pandemia está longe de terminar e que “o pior ainda está por vir”.

E o problema não para por aí. As agências de notícias já comunicaram que, além do novo coronavírus, cientistas chineses identificaram um subtipo de vírus da gripe em porcos, que pode infectar humanos e apresenta potencial para gerar uma nova pandemia.

Enquanto isso, a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad) Contínua mostrou que a taxa de desemprego no país subiu para 12,9% no trimestre encerrado em maio, atingindo 12,7 milhões de pessoas. Ainda assim, o resultado ficou abaixo das estimativas dos analistas ouvidos pela Bloomberg, calculada em 13,1%.

Fonte: Infomoney e Governo do Estado de São Paulo

Your compare list

Compare
REMOVER TODOS
COMPARE
0