Para Samir Cury, professor doutor da FGV, a questão fiscal é motivo de preocupação uma vez ela influencia os indicadores econômicos e a inflação. Há alguns meses tivemos uma controvérsia no relatório do BC sobre a neutralidade da política fiscal, e o que se vê é um consenso de que isso não aconteceu em 2013, o que passa a ser o principal questionamento do mercado.

A inflação não é só um problema monetário, existem outras variáveis. Você depende de outros instrumentos, por exemplo, de como o Ministério da Fazenda vai conduzi-los. De qualquer maneira, há uma evolução em relação aos discursos incertos e controversos entre BC e Fazenda.

Segundo o especialista, depois da reunião em Davos, no Fórum Econômico Mundial, a presidente Dilma parece ter finalmente escolhido um caminho após contribuir com esse cenário de incerteza, dando sinais diferentes e causando uma extrema confusão nos mercados.

Alexandre Tombini, presidente do Banco Central, diz que a autoridade monetária vai garantir que a inflação continue declinando em 2014 e, garante estar fazendo o possível para controlar a inflação.

Fonte: Blog Eaesp

REMOVER TODOS
COMPARE
0