Iderança-as-6-competencias-fundamentais-do-lider-digital

É crescente a demanda por profissionais com perfil de liderança nas organizações. Afinal, são pessoas que motivam suas equipes, pensam estrategicamente, sabem como tomar decisões e trazer bons resultados para o negócio.

Para alguns indivíduos, a liderança é algo nato; para outros, é uma competência desenvolvida pela maturidade profissional e com cursos de capacitação. Além disso, essa habilidade é exercida de formas diferentes, de acordo com as características pessoais de cada profissional.

Quer conhecer as particularidades de cada perfil de liderança e descobrir em qual você se encaixa? Acompanhe nosso post!

Coercitivo

É aquele líder bastante comum em empresas, que utiliza sua posição para colocar medo nos colaboradores que não desempenham suas funções corretamente. Em outras palavras, é o chefe que só sabe mandar.

É, portanto, o profissional centralizador, autoritário, que não aceita críticas e também não desenvolveu a empatia. Ele tem dificuldades de comunicação, não se esforça para se aproximar da equipe e para conhecer os talentos que podem ser desenvolvidos.

Além disso, não reconhece o trabalho das pessoas, só se dirige para a equipe para dar feedbacks negativos e busca resultados dos colaboradores diante de ameaças de punição.

É um perfil bem ultrapassado de liderança, que nunca buscou se atualizar quando o assunto é gestão de pessoas. Além de contribuir para um clima organizacional bem conturbado e de muita competição, é o líder que afasta os bons profissionais da empresa.

Democrático

O líder democrático busca desenvolver seu trabalho com a colaboração de todos, inclusive na tomada de decisões. Assim, preza pela comunicação e demonstra confiança na equipe.

Estimula a troca de conhecimentos, discussões e o consenso entre os colaboradores para saber qual é a melhor solução. É, portanto, um líder que motiva e dá espaço para que todos apresentem suas ideias, sendo importante para o desenvolvimento pessoal e profissional das pessoas.

O maior risco desse tipo de gestão é a indecisão em situações críticas, ou seja, o líder não saber como agir de modo rápido em um momento de crise, já que precisa da opinião de todos para decidir qual caminho seguir.

Autoritário

É o líder que trabalha junto aos colaboradores com foco na execução das tarefas e na cobrança por alta performance. Tem como característica a firmeza e muita exigência no comando da equipe.

É bastante metódico, principalmente com prazos, crítico, não admite erros e também não sabe como identificar as dificuldades de seus liderados.

É uma figura importante para a empresa conseguir bons resultados de forma rápida, porém, a longo prazo, pode prejudicar a retenção de talentos, pois se torna muito desgastante trabalhar com um líder autoritário.

Centralizador

O perfil de liderança centralizador é bastante comum para líderes novatos, ou seja, que nunca ocuparam essa posição. Eles acabam centralizando todas as tarefas com medo de falhas da equipe.

Pode ser uma característica também de profissionais perfeccionistas, que não conseguem delegar tarefas ou, ainda, de pessoas muito inseguras com a posição de líder.

A longo prazo, esse tipo de liderança pode dificultar o andamento dos projetos, já que a equipe fica desmotivada, pois não tem o seu trabalho reconhecido.

Visionário

É o líder com boa capacidade de planejamento, ou seja, sabe como traçar metas de curto, médio e longo prazo, pois está de olho no futuro. Dessa maneira, tem grande senso de organização, sabe como dividir responsabilidades e consegue encontrar os talentos que a empresa precisa para atingir os objetivos.

Mas como está sempre pensando adiante, pode ter dificuldades em executar as atividades de curto prazo, que exigem decisões rápidas, ou em lidar com imprevistos.

Treinador

É o perfil de liderança que busca estar mais próximo de seus colaboradores e, assim, conhece as potencialidades e dificuldades da equipe. Aposta, portanto, no desenvolvimento individual de cada um.

Ele sabe trabalhar utilizando a inteligência emocional, sabe como se comunicar de forma eficiente, delega tarefas de um modo estratégico e está sempre pronto para ajudar quando alguém do time não consegue dar o seu melhor. Gosta de avaliar o desempenho de cada um para saber o que precisa aperfeiçoar ou modificar na condução da equipe.

É um perfil importante no desenvolvimento de novas lideranças dentro da empresa, já que o líder treinador sabe identificar e aprimorar os pontos fortes de outros profissionais.

Liberal

É o profissional que abre espaço para seus colaboradores caminharem com as próprias pernas e demonstrarem seu talento. É um perfil de liderança que se encaixa muito bem em equipes mais maduras, que não necessitam de uma supervisão constante, e com bom entrosamento.

O líder liberal sabe como desafiar as pessoas, preza pela troca de conhecimento e incentiva a criatividade e inovação no desenvolvimento de projetos.

Contudo, ao adotar essa postura, é preciso tomar cuidado para não ser negligente. Dessa forma, é importante fazer um acompanhamento do desempenho da equipe para saber se estão seguindo os objetivos traçados.

Carismático

É um líder que consegue motivar a equipe e colabora para um bom clima organizacional, sendo bastante habilidoso na resolução de conflitos. É reconhecido não tanto por suas competências técnicas, mas sim pelo seu carisma e empatia.

Os colaboradores costumam ser bastante fiéis a esse perfil de gestor e se sentem motivados para trabalhar. É um profissional que exerce boa influência entre as pessoas e, assim, consegue atingir os resultados sem precisar se utilizar de autoritarismo.

O ponto negativo desse tipo de gestão é que, por prezar sempre pelo bom relacionamento entre as pessoas, o líder carismático pode ter dificuldade em dar feedbacks construtivos — o que pode prejudicar o desenvolvimento dos colaboradores e o andamento dos projetos.

Além disso, muitas pessoas podem enxergar esse gestor como um amigo e não se empenhar o bastante para cumprir suas funções.

Faça um exercício de autoconhecimento e veja com qual perfil de liderança você se identifica. Muitos profissionais podem ter traços de diferentes líderes, e o importante é reconhecer os pontos falhos e buscar formas de corrigi-los para realizar uma gestão que conduza de modo eficiente a equipe.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe essas informações em suas redes sociais para que seus colegas também conheçam os diferentes perfis de liderança!

 

REMOVER TODOS
COMPARE
0