Soft Skills Sucesso Profissional 01

As 5 soft skills em alta para você ter sucesso profissional, segundo o LinkedIn

Para ter sucesso profissional, não basta conhecimento técnico: as soft skills estão se tornando cada vez mais importantes – especialmente com o crescimento da atuação de máquinas e Inteligência Artificial (IA).

Essa foi uma das principais afirmações da pesquisa a Global Talent Trends 2019 do LinkedIn, que colocou as soft skills entre as grandes tendências sobre o mercado de trabalho este ano.

“Parece até uma contradição, mas quanto mais se fala em IA, aprendizado de máquina, bots e realidade aumentada, maior será o protagonismo das soft skills”, afirma Eduardo Refkalefsky, professor convidado da IBE Conveniada FGV de Estratégia, Negociação e Desenvolvimento de Carreira.

O que são soft skills?

O termo em inglês se refere àquelas habilidades comportamentais e subjetivas, mais difíceis de avaliar, mas fundamentais para o sucesso de uma equipe. São aquelas que, segundo o relatório do LinkedIn, as máquinas não podem substituir.

Elas são tão importantes que, no levantamento, 92% dos entrevistados afirmaram que elas são tão ou mais importante do que as competências técnicas (chamadas de hard skills). Além disso, 89% afirmam que “contratações ruins” geralmente estão relacionadas a candidatos com dificuldades em soft skills.

As soft skills em alta para ter sucesso na carreira profissional

A partir dos dados da própria plataforma, o LinkedIn elencou cinco habilidades em alta:

  1. Criatividade;
  2. persuasão;
  3. colaboração;
  4. adaptabilidade;
  5. gestão de tempo.

Dessas, de acordo com os dados comportamentais do LinkedIn, a qualidade que mais está em falta é a criatividade – e ela não está relacionada apenas à arte. De acordo com o LinkedIn, trata-se da capacidade de resolver problemas de maneiras originais – algo que máquinas não podem replicar com facilidade.

Vale, ainda, ressaltar que a demanda por criatividade aumentará exponencialmente até 2030, de acordo com uma pesquisa da consultoria McKinsey. Por isso, além de estudar competências técnicas, capriche nas suas capacidades humanas, que podem determinar seu sucesso profissional.

Fonte: Finanças Femininas

REMOVER TODOS
COMPARE
0