ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA: COMO PLANEJAR O SEU 2021

Planejamento

Uma crise tão generalizada quanto a pandemia de coronavírus tende a afetar todos os aspectos de nossas vidas, até mesmo a forma como planejamos nossas finanças.

O aprendizado mais significativo que 2020 trouxe foi como a vida pode ser imprevisível e que não faz mal se preparar para o pior.

Com o início de 2021, separamos aqui algumas ideias para seu planejamento financeiro e alguns erros a serem evitados neste ano.

Confira!

Ideias para o seu planejamento

 

Crie um fundo de emergência

A maior percepção de 2020 foi provavelmente que a única coisa verdadeiramente certa é a incerteza. Com o desenrolar do ano, você pode ter criado um fundo de emergência para lidar com a situação. Se foi o seu caso, continue com a tendência no novo ano, caso contrário, comece hoje mesmo.

Além de considerar os gastos com saúde, cubra também as incertezas e flutuações na renda mensal. Isso se aplica a todas as classes de renda – de empresários a assalariados. Seu fundo de emergência deve ser pelo menos cinco vezes o total de suas despesas mensais.

Continue comprando online

Em 2020, as compras online aumentaram significativamente e devem dobrar no próximo ano. Empresas de e-commerce melhoraram suas ofertas com descontos, ofertas, códigos promocionais e outros incentivos para atrair clientes durante a recessão. Para o consumidor, os benefícios se multiplicam se ele pagar com aplicativos e outros meios que oferecem diversos benefícios.

Seja de produtos do dia a dia até os presentes de fim de ano, você definitivamente economizou com as experiências de compra online em 2020. Pegue a tendência para 2021 e transforme-a em um hábito. Economizar com compras online é real e, sem dúvida, melhora sua saúde financeira.

Limite seus gastos com cartão de crédito

Gaste apenas o que você realmente tem. Você sem dúvida adotou essa regra de ouro em 2020, e por um bom motivo. Os cartões de crédito são convenientes e ajudam a distribuir os pagamentos, mas também fazem com que você gaste demais. De acordo com uma pesquisa, você pode acabar gastando até 100% a mais com um cartão.

Também em 2021, evite compras impulsivas e ambiciosas e use o dinheiro de plástico com prudência. Além de gastos excessivos, você também acaba pagando juros muito altos sobre pagamentos atrasados ​​e saques em dinheiro. Além do mais, os padrões de pagamento derrubam sua pontuação de crédito, prejudicando sua capacidade de crédito. Portanto, é melhor deixar seu cartão de crédito em casa ao sair.

Economize. Economize novamente. Repita o processo.

A combinação de trabalho em casa e lockdown ofereceu um benefício imprevisto – encheu seu cofrinho! Graças ao mínimo de viagens e compras, sem passeios ou jantares, sem piqueniques e sem festas para seus pets, o estilo de vida impactado pela COVID permitiu a muitos de nós economizar parcelas de dinheiro que se tornaram economias substanciais.

Não afrouxe em 2021, mesmo que sua situação financeira melhore. Em vez disso, vise um cofrinho maior. E quando estiver cheio, não gaste o dinheiro, guarde-o para objetivos financeiros de longo prazo usando uma boa calculadora financeira. Em 2021 e nos outros anos, essa é a maneira de ser rico e sábio. Como Warren Buffet observou, não economize o que resta depois de gastar, gaste o que resta depois de economizar.

Continue com um orçamento restrito

A economia e o orçamento restrito foram táticas de sobrevivência essenciais para as famílias em 2020. Você também pode ter estabelecido certos limites financeiros e permanecido dentro deles.

Em 2021, mantenha a prática mesmo que a situação melhore. Você pode não apenas evitar o perigo de gastos excessivos com um planejamento financeiro cuidadoso, mas também alcançar facilmente suas metas de curto e longo prazo e sentir-se capacitado para enfrentar as responsabilidades que podem surgir no futuro.

Para ajudá-lo ainda mais com seu planejamento financeiro para 2021, aqui vai um conselho amigável: siga a regra de ouro 50:20:30. Ou seja, destine 50% de sua renda para despesas mensais e fixas, 20% para economias e 30% para outras despesas, incluindo estilo de vida e gastos sociais.

Erros a serem evitados

 

Aumentar suas despesas fixas

As despesas fixas mensais incluem contas de serviços públicos, prestações de empréstimos, aluguel de casa e assim por diante;

Em 2020, muitos pensaram que a recessão era um bom momento para aproveitar as condições de pagamento relaxadas e comprar linha branca ou um carro parcelado. Afinal, as ofertas eram irresistíveis. Aqueles que seguiram em frente com essa decisão perceberam seu erro. Eles só conseguiram aumentar suas despesas fixas enquanto a renda familiar permanecia incerta ou reduzida.

Atrasar a compra do plano de saúde

A COVID-19 está provando ser persistente. Sua segunda e terceira onda provavelmente atingirão o mundo em 2021. Pior, pode haver variantes mutantes do vírus que serão difíceis de lidar. Embora a vacina esteja à vista e possa ser amplamente disponibilizada em 2021, sua eficácia em longo prazo e capacidade de combater diferentes mutações estão em questão. Portanto, não se esqueça de obter um plano de saúde para cuidar do COVID-19.

Não reorganizar sua carteira de investimentos

A COVID-19 pode ser extinta em 2021, mas não a recessão. Você pode ter adiado a reorganização de sua carteira de investimentos em 2020. Considerando a incerteza em torno da pandemia e dos cenários de mercado, você pode ter achado insensato perturbar o planejamento financeiro que empreendeu com tanto esforço. No entanto, você deve agitar seu portfólio em 2021 e tentar torná-lo à prova de recessão.

Seu foco deve ser o acesso fácil à liquidez, em vez de ganhos de longo prazo ou maiores. Concentre-se em fundos de ações e fundos mútuos abertos e equilibre-os com metais preciosos e seguros com instrumentos de investimento, entre outros.

A técnica de alocação de ativos descrita acima prioriza maior liquidez sobre maiores retornos. Se você tiver sorte, poderá obter os dois!

Planeje o seu futuro

Com essas ideias e alertas, você poderá ter uma visão mais clara de como preparar o seu futuro financeiro e administrar de forma sábia o seu futuro. Faça uma autoanalise e coloque no papel e em ação tudo aquilo que está disposto a fazer em 2021.

Sabemos que 2020 foi um ano muito difícil para todos, mas com planejamento e sabedoria, podemos fazer 2021 um ano muito melhor.

Quer saber mais sobre esse e outros assuntos? Acesse nosso blog e mantenha-se informado!

Fique por dentro

Assine nossa Newsletter e receba as novidades por email