8 Motivos Que Provam Que Vale A Pena Fazer Um Mba.jpeg

Estejamos ou não em tempos de crise, ficar de braços cruzados, esperando que o mercado abra as portas, não é uma atitude razoável. O mundo se modernizou, as novas tecnologias invadiram nossas casas, nosso trabalho e nosso lazer. As pessoas estão mais competitivas, mais dispostas a conquistar um emprego e a prosperar no mundo dos negócios. Por isso, fazer uma especialização é imprescindível. Será que vale a pena MBA?

Qualificação e capacitação são as palavras-chave do momento e, independente de qual seja seu salário ou cargo em uma empresa, fazer um MBA é um diferencial para alcançar projeção e, consequentemente, ascensão profissional.

Além disso, um MBA é o primeiro passo para que você consiga montar uma rede ampla de contatos, de acordo com seu perfil e objetivos de carreira.

Mas o que significa MBA?

MBA é a sigla para Master in Business Administration. Em português, a tradução é Mestre em Administração de Negócios. Com disciplinas das áreas de recursos humanos, finanças, marketing e contabilidade, estamos falando de um curso de especialização, destinado a administradores, gestores de empresas, gerentes e coordenadores, entre outros.

Originário dos Estados Unidos, é um curso para profissionais que têm certa experiência no mercado de trabalho, com objetivos específicos: aumentar a eficiência no ramo de atuação, a competitividade da organização e galgar cargos mais altos.

Geralmente, um MBA tem duração de um ou dois anos, podendo incluir um módulo internacional, em que o estudante passa um período no exterior, adquirindo conhecimento.

Pensando no curso e nos benefícios que ele pode gerar, listamos abaixo 8 motivos para ajudar na tomada de decisão de quem pretende fazer um MBA. Vale a pena um curso como esse? O que você pode ganhar com isso?

1. Qualificar-se para o mercado de trabalho

O MBA é mais do que outro curso de pós-graduação. Trata-se de uma especialização que qualifica você de forma prática, tornando-o apto a exercer qualquer cargo gerencial. Um aluno que, a priori, tenha uma atitude passiva aprende a desempenhar o papel de protagonista, trocando experiências com colegas com outras funções na empresa.

A heterogeneidade do perfil profissional da turma é um ponto positivo e as disciplinas de um MBA são consideradas fundamentais pela aplicabilidade prática com que o conteúdo é abordado.

2. Ter uma experiência internacional

Nos programas de especialização, o aluno tem a opção de fazer parte do curso no exterior, estudando em instituições parceiras. É um momento importante na vida do estudante, já que somente assim ele adquire bagagem internacional, sem prejudicar o emprego e por tempo determinado.

3. Criar uma rede de contatos

Um programa de MBA propicia enriquecimento profissional e também uma excelente oportunidade para começar a construir sua rede de contatos. Fazer networking durante o curso não é difícil, afinal, você vai passar um ou dois anos ao lado de outros profissionais com competências nas mais diversas áreas.

O momento é esse. Tente estabelecer uma trajetória de sucesso durante o curso, fale sobre seus projetos, mostre interesse pelo trabalho dos colegas, faça-se presente sem ser arrogante. Quem sabe você não conhece um sócio ou parceiro justamente durante o MBA?

4. Começar a pensar “fora da caixa”

Já ouviu essa expressão? Ela é muito usada para se referir ao processo de trabalhar ideias, ferramentas e instrumentos não tradicionais, usando a participação ativa e o mais importante — a criatividade.

Isso não significa deixar de cumprir objetivos específicos exigidos em um MBA, e sim, ter novos olhares para esses objetivos, o que atrai a atenção de recrutadores em busca de um espírito inovador.

5. Conquistar melhores cargos e salários

A maioria dos especialistas em educação superior afirma que, após fazer um MBA, o salário do funcionário pode aumentar entre 20% a 30%. Para que isso ocorra, alguns fatores devem ser levados em consideração: um deles é o esforço pessoal em mostrar o que aprendeu durante a especialização e como os novos conhecimentos podem impactar positivamente nos negócios e no faturamento da empresa.

Logo, essa melhoria salarial não surge do dia para a noite. Para que se traduza em avanços na carreira, é preciso apresentar resultados mensuráveis no desempenho das funções, por meio da implantação dos conhecimentos adquiridos.

6. Gerir o próprio negócio

O conhecimento adquirido ao final de um MBA permite que o aluno gerencie com excelência o próprio negócio. Por contemplar disciplinas extremamente práticas, com foco em áreas como empreendedorismo e inovação, o profissional termina o curso apto a empreender.

Além disso, ao fim do curso, tem-se um profissional mais confiante, que demonstra interesse e habilidades em setores como consultoria, finanças, contabilidade, produtos e serviços.

7. Tornar-se um expert ou consultor

Não é segredo para ninguém que os conteúdos apresentados durante um MBA são mais aprofundados do que em um curso tradicional de graduação. Sendo assim, ao terminar a especialização, o profissional tem todos os atributos para se tornar um expert na área em que estudou.

Para isso, é preciso ter foco e concentração nos estudos, além de pensar no futuro, já direcionando a carreira com base em seu perfil e afinidades.

8. Aproveitar para fazer uma reciclagem

Está em busca de um novo emprego ou quer fazer uma mudança na carreira? O MBA pode atuar nos dois casos — tanto como uma reciclagem do conteúdo, quanto como uma oportunidade para o profissional que deseja mudar de carreira ou ampliar os horizontes por meio da descoberta de conteúdos inovadores.

Nesse caso, o MBA funciona como uma espécie de upgrade, que pode ser anexado ao currículo como um diferencial e somar pontos na hora de uma possível contratação.

Para você que gosta de resultados — e já percebeu que vale a pena MBA — aproveite para entender um pouco mais sobre produtividade em equipe.

REMOVER TODOS
COMPARE
0