5 Milionarios Antes Dos 40 Para Voce Se Inspirar.jpeg

Conheça a história de 5 milionários antes dos 40

Nunca é cedo demais para iniciar nossa própria trajetória de sucesso, não é mesmo? Seja qual for a sua área de interesse, desenvolver um projeto de valor requer um tipo de determinação que, às vezes, nos parece distante. Entretanto, é possível se espelhar em outras pessoas, encontrar e desenvolver essas habilidades em nós mesmos.

Múltiplos caminhos podem nos levar até nossos objetivos e, por isso, conhecê-los pode nos fazer ficar atentos para saídas que, geralmente, ignoramos. Neste post, trazemos 5 diferentes histórias de milionários antes dos 40 para que você se inspire e desenvolva seus próprios projetos. Confira!

1. Larry Page

Larry Page é conhecido por ser um dos fundadores do Google, uma das empresas de maior impacto social da história. Nascido no Michigan e filho de pais com uma carreira no campo da computação, desde jovem se viu cercado por esse universo e dedicou sua atenção a ele.

A partir disso, se graduou em Engenharia da Computação pela Universidade do Michigan e, mais tarde, conquistou também um mestrado em Ciência da Computação pela Universidade de Stanford. Até hoje mantém ligações com o mundo acadêmico e trabalha como consultor para a universidade em que se graduou.

O sucesso que Larry conquistou está intimamente ligado à sua persistência em sempre continuar a se qualificar profissionalmente, o que se deu por esse contínuo interesse pela pesquisa e universidade.

Durante os anos 90, época em que terminava o seu doutorado, ele conheceu Sergey Brin, seu amigo e futuro cofundador do Google. Nesse primeiro momento, os dois chegaram a alugar o espaço de uma garagem para se dedicar às pesquisas no desenvolvimento do famoso buscador.

Enquanto pessoa pública, Larry é conhecido por manter uma posição reservada que faz poucas aparições e raramente aparece em público para falar. Sabe-se também que ele tem uma espécie da paralisia nas cordas vocais, questão que dificulta um pouco que se expresse em palestras ou conferências.

Após assumir a frente do Google por muitos anos, atualmente ele ocupa o cargo de CEO da Alphabet Inc. — ambas corporações fazem parte do mesmo conglomerado.

2. Evan Spiegel

Evan é conhecido por ter sido um dos fundadores e é atualmente CEO do Snapchat. Além de seu valor financeiro — que já ultrapassa os três bilhões de dólares —, o aplicativo também teve um impacto cultural importante no modo como como as pessoas interagem e compartilham conteúdo online.

Em 2013, Evan ficou conhecido por recusar uma oferta de três bilhões de dólares vinda de Mark Zuckerberg pela compra do Snapchat e preferir manter a empresa, atitude que surpreendeu a muitos pela confiança demonstrada.

Evan Spiegel se formou na Universidade de Stanford e criou o famoso aplicativo nessa época com a ajuda de dois outros colegas de fraternidade com quem estudava — Bobby Murphy e Reggie Brown. Assim como no caso dos criadores do Google, o Snapchat só se efetivou enquanto uma ferramenta sólida pela colaboração de diferentes indivíduos em prol da mesma ideia.

Para além do pensamento individualista e do interesse no crescimento da carreira, todas essas pessoas sabiam da importância de trabalhar em equipe em nome de uma causa maior, o que transformou todo o esforço em uma empresa que já deixou um legado na história.

3. Sara Blakely

Empresária bilionária norte-americana conhecida por ter criado sua fortuna a partir do zero, praticamente. Sua marca, a Spanx, é uma grande companhia no ramo de roupas íntimas. O sonho de Sara era ser advogada, entretanto ela não conseguiu atingir as notas mínimas para ser aceita na faculdade de direito que desejava. Por isso, precisou buscar outras saídas.

Durante esse período ela chegou a trabalhar alguns meses nos parques da Disney e, eventualmente, passou a ser vendedora ambulante de máquinas de fax — profissão na qual tinha até mesmo já atingido uma boa estabilidade.

Por se sentir pessoalmente insatisfeita com as opções disponíveis de meias-calças, Sara elaborou um formato inovador de roupas íntimas e criou uma peça mais confortável e que favorece o emagrecimento da silhueta feminina.

Ela delineou o projeto e buscou apoio de muitas fábricas de roupas, mas foi recusada por todas. Com um investimento de cinco mil dólares — o total de suas economias em anos — ela acabou sendo responsável pela produção inicial da peça e, nesse período, contou apenas com a ajuda de amigos e familiares. Além disso, Sara também cuidava de praticamente todos os outros aspectos do negócio que nascia, como as áreas de marketing e logística.

Sua grande sacada foi perceber que esse tipo de produto era sempre produzido por homens que mal sabiam o que era a experiência de ter de usá-lo. Por volta do início dos anos 2000, suas ideias inovadoras para o mercado atingiram o grande público e, só nos dois primeiros anos de vida, a Spanx já apresentava rendimentos na casa dos milhões.

Hoje com 46 anos, Sara ainda é um exemplo de empreendedorismo e perseverança para mulheres de todo o mundo.

4. Alexandre Birman

Mineiro nascido em Belo Horizonte, Alexandre conquistou seu espaço no ramo dos calçados. Além de trabalhar como designer, também atua como empresário em corporações importantes na área — como as do grupo Arezzo e a marca que leva seu nome.

Seu pai é Anderson Birman, fundador da Arezzo, o que levou Alexandre a crescer aprendendo no meio empresarial. Desde pequeno, ele se educou trabalhando junto aos negócios da família, mas também prezando pela sua independência.

Ainda jovem, criou sua primeira marca de calçados, Schutz, que mais tarde se fundiu com a empresa do pai e formou um conglomerado do qual ele é o vice-presidente. É interessante observar esse aspecto de sua carreira, que concilia muito bem tanto o lado criativo e artístico quanto o empresarial e de gerenciamento.

Alexandre tem 39 anos e seu patrimônio já ultrapassa um bilhão de reais. Além do sucesso nacional, ele levou a fama dos calçados nacionais para o resto do mundo. Suas criações são utilizadas e queridas por atrizes como Demi Moore e Jessica Alba.

Reconhecido também por trabalhar com materiais exóticos, como couro de cobra Píton, lagarto e crocodilo, suas peças são bastante exclusivas — além da raridade do material utilizado, são confeccionados apenas um par de cada número por sapato.

5. Jane Muniz

A empresária brasileira de 37 anos alcançou recentemente um sucesso estrondoso com a marca “Spa de Sobrancelhas”. Seu negócio hoje conta com 450 lojas espalhadas pelo Brasil, o que a transformou em uma referência nacional no campo da estética.

Somente no ano de 2016, essa franquia lhe rendeu 93 milhões de reais. Entretanto, esses ganhos não se deram da noite para o dia. Seu trabalho no campo da estética tem mais de 10 anos e tudo foi criado com um investimento inicial de oito mil reais — quantia utilizada para montar o primeiro salão de beleza da empresária.

Criada em meio a poucos recursos em uma região pobre do Rio de Janeiro, desde criança Jane se dispôs a criar estratégias para adquirir e guardar dinheiro para suas necessidades e futuros investimentos. Em sua trajetória, ela já realizou as mais variadas ocupações, de vendedora de bijuterias a trabalhos com cosméticos e salões — onde acabou descobrindo um fértil campo de trabalho.

O primeiro investimento em um salão que montou com o atual companheiro foi o espaço onde pode perceber a possibilidade de trabalhar com um nicho pouco explorado de mercado: um atendimento estético voltado para o olhar e para as sobrancelhas.

Uma das preocupações de Jane nesse primeiro momento foi o estabelecimento de uma equipe de confiança que pudesse garantir a manutenção de um trabalho de qualidade. A partir da criação dessa primeira loja da franquia, um longo caminho foi percorrido e hoje ela se estabelece como o principal nome nacional do ramo.

Como você pode perceber nesse post, é possível alcançar o sucesso em diferentes formas. Dois elementos comuns a essas experiências são a perseverança em busca de um objetivo e a resiliência para se moldar diante do que o contexto exige de cada um.

Os casos de sucesso desses milionários antes dos 40 despertam as possibilidades que existem em cada um para a construção do nosso próprio legado. Basta aproveitar todas as oportunidades.

Gostou dessas histórias? Então compartilhe esse post nas suas redes sociais e faça com que elas alcancem ainda mais pessoas!

REMOVER TODOS
COMPARE
0