4º CEO Insights: CEOs discutem Governança Corporativa na IBE Conveniada FGV Campinas

Além do próprio encontro do CEO Insights, a IBE Conveniada FGV apresentou dois novos programas, onde um beneficiará inicialmente o interior de São Paulo e o outro um plano de sucessão para empresas familiares.

Foto: Reprodução Tv Rac

Encontro foi realizado no Auditório do Centro de Convenções IBE de Campinas

Encontro foi realizado no Auditório do Centro de Convenções IBE de Campinas
O Institute Business Education – Fundação Getulio Vargas sediou o 4º CEO INSIGHTS nesta quarta-feira, 04 de dezembro, no Auditório do Centro de Convenções IBE de Campinas. O evento contou com a presença de representantes do terceiro setor de Campinas e CEOs, isso porque, além de tratar do tema Governança Corporativa nas Empresas Familiares, a IBE Conveniada FGV também apresentou dois novos programas: o InterSector Alliance, um programa de desenvolvimento para o interior de São Paulo, e o ADAE – Aliança para o Desenvolvimento de Acionistas, Sucessores e Empresas. Estavam presentes no evento o Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Samuel Rosilho, o Diretor do CIESP Campinas, José Nunes Filho e o presidente da Fundamig, Leonardo Coelho.

Governança Corporativa nas Empresas Familiares

O 4º CEO Insights contou com as palestras do consultor e especialista em Governança Corporativa, Paulo Conte Vasconcellos, do professor e especialista em Consultoria Tributária e Empresarial, Aci Heli Coutinho, e do professor do Departamento de Contabilidade, Finanças e Controle da Escola de Administração de Empresas de São Paulo (EAESP) na Fundação Getulio Vargas, Osvaldo Roberto Nieto. Os especialistas falaram sobre os temas mais atuais e relevantes para o mundo corporativo, como Governança Corporativa nas Empresas Familiares, Aspectos Jurídicos e Profissionalização da Administração.

“O maior desafio na governança corporativa em empresas familiares é a confusão de papeis, onde o familiar é também sócio e executivo na empresa. Isso muitas vezes dificulta a atuação eficaz de um conselho de administração. Os maiores dilemas são vencer o compartilhamento de poder, o desalinhamento de interesses, o receio da transparência e o fim das práticas heterodoxas de gestão”, apontou Paulo Vasconcellos.

Ao tratar dos aspectos jurídicos na sucessão em empresas familiares, Aci Heli Coutinho ressalva que é um processo de longo prazo. “As únicas certezas que temos na existência humana é a vida e a morte, ou seja, o empresário familiar terá de se preocupar em sua sucessão e esse processo é complexo e delicado”, disse. Já Osvaldo Nieto demonstrou que a profissionalização aperfeiçoa o funcionamento das empresas familiares permitindo que decisões dependam menos de pessoas especificas. “Com a profissionalização consegue-se mudar o processo de tomada de decisões, alterando a dimensão organizacional e modificando a capacidade de atuação da organização”, completou.

O CEO Insights é um organismo colaborativo de apoio externo, multi-setorial e sem fins lucrativos. “Nesse ambiente, o networking e a troca de experiências são os principais pontos na construção de valores. A participação restrita a altos executivos também é um dos diferenciais e proporciona a construção de uma seleta rede de contatos”, destaca o presidente da IBE Conveniada FGV, Heliomar Quaresma.

InterSector Alliance e ADAE

Além do próprio encontro do CEO Insights, a IBE Conveniada FGV apresentou dois novos programas, onde um beneficiará inicialmente o interior de São Paulo e o outro um plano de sucessão para empresas familiares. “O Intersector Alliance é uma aliança intersetorial, ou seja, trata da união do governo, dos empresários e do terceiro setor, para a construção de um plano de desenvolvimento para o interior de São Paulo”, explicou Heliomar Quaresma. “Com ele iniciamos a construção de um novo projeto para desenvolvimento, geração de renda e geração de emprego, que é riquíssimo para a região e poderoso instrumento de união das pessoas que podem fazer diferença”. O outro programa com pré-lançamento é o ADAE – Aliança para o Desenvolvimento de Acionistas, Sucessores e Empresas. “Como é um programa para a sucessão e o assunto do dia é Familly Business e Governança Corporativa, fazemos hoje um pré-lançamento do programa de Familly Business da Fundação Getulio Vargas para o Brasil todo que vai ser ofertado aqui em Campinas, na IBE”, disse Quaresma.

Para ele, faz sentido atender três setores, pois quando há esse trabalho oferecido pela InterSector Alliance, o resultado é a satisfação em riqueza para as empresas, para o terceiro setor, e a sociedade civil entende como importante a direção do que ela acredita. Com o ADAE, a empresa passa a ter mais valor, pois um grupo oferece diferença e beneficio e a curva de crescimento torna-se diferente e mais forte.

REMOVER TODOS
COMPARE
0