fbpx
Como Dizer Não Sem Ser Ignorante

Todos nós já tivemos um chefe ou um familiar que nos aconselhou a dizer “não” mais vezes. Não importa se você é professor, gerente de marca ou executivo, a demanda sempre parece maior do que o tempo nos permite realizar.

Consequentemente, fiquei fascinada ao ouvir Ivan Misner, autor de “Who’s in Your Room? The Secret to Creating Your Best Life” (sem versão em português), a respeito do que ele pensa sobre dizer “não”. Em conversa com a Forbes, Misner compartilhou algumas dicas interessantes e práticas para encontrar formas criativas e respeitosas de negar determinados pedidos.

Forbes: Por que as pessoas têm dificuldade de dizer “não”?

Ivan Misner: Há duas razões. Primeiro, elas querem dizer “sim” quando possível. Não é confortável negar algo, especialmente se for para amigos. Então, por que a culpa? Sim, muitos se sentem culpados, por isso é tão desafiador. Mas é essencial definir limites. Se não fizermos isso, ficamos entre a culpa e frustração, uma vez que nos colocamos em uma situação que realmente não queríamos estar. A melhor maneira de evitar isso é aprender a dizer agora, porém sem ser estúpido. A segunda razão é que as pessoas não sabem dizer “não”. Elas podem querer, mas não sabem como fazê-lo sem se sentirem desconfortáveis.

Forbes: Por que isso acontece?

IM: Porque, na verdade, não nos ensinaram a dizer “não”. Desde a infância, somos condicionados a pensar que não é bom negar as coisas. Mas o fato é que, agora, somos adultos. Não há problema em dizer “não”, apenas precisamos aprender como fazer isso do jeito certo.

Forbes: Então, como dizemos “não” com respeito?

IM: Eu costumo dar quatro dicas para dizer “não” sem parecer ríspido ou mal educado:

1. “Se eu disser ‘sim’, posso decepcioná-lo”

Uma maneira efetiva de negar algo a alguém é explicar que, se aceitar a tarefa, pode decepcionar seu interlocutor. Isso pode acontecer porque você não tem o conhecimento ou a expertise necessários para fazer o que ele está pedindo, mas, de qualquer forma, você não é a pessoa para tornar essa ideia um sucesso e não quer decepcioná-lo.

2. “Encaminhe o trabalho a alguém mais qualificado”

Quando dizemos “não” a alguém, é uma boa ideia tentar encaminhá-lo a uma pessoa mais qualificada ou adequada para ajudar. Também podemos tentar conduzi-lo a alguém cuja missão está mais alinhada com seu projeto. Só porque você pode fazer algo, não significa necessariamente que deveria, se não for realmente sua área de especialização.

3. “Eu não faço isso”

Muitas vezes, o pedido e a resposta podem ser simples. Por exemplo: quando alguém tenta me convencer de comer um pedaço de bolo ou torta, simplesmente agradeço e digo que não como açúcar processado. Se a pessoa insiste, dizendo que é apenas um pedaço, não tenho problema em dizer que ela pode se sentir livre para comer a minha parte – porque eu não como açúcar.

4. Não faça como em “Seinfeld”

Uma das coisas realmente engraçadas da antiga série de TV “Seinfeld” era como os personagens se aventuravam com alguma desculpa louca e complicada e acabavam tendo mais problemas do que se tivessem sido sinceros desde o começo. Seja educado, mas honesto e direto.

Fonte: Forbes Brasil

REMOVER TODOS
COMPARE
0