Saiba Quais Sao Os Tipos De Inteligencia E Como Desenvolvelos.jpeg

Ao longo dos anos, diversos estudos têm buscado avaliar a capacidade intelectual do ser humano. No entanto, durante muito tempo, essa observação foi realizada apenas com base nos testes de QI (coeficiente de inteligência), que mediam somente os aspectos relacionados às competências matemáticas e de raciocínio lógico.

Foi somente nos anos 1980 que o psicólogo e cientista Howard Gardner defendeu a existência de diferentes tipos de inteligência e a importância de cada uma para o desenvolvimento das diferentes atividades do nosso dia a dia.

Quer conhecer mais sobre cada perfil intelectual e aprender a desenvolver novas habilidades que vão fazer a diferença na sua carreira? Então, continue a leitura deste artigo!

Quais são os tipos de inteligência existentes?

Para que você compreenda as particularidades dos diferentes tipos de inteligência, vamos listar cada um deles a seguir. Confira!

Inteligência lógico-matemática

Conforme apontamos no início deste artigo, durante muito tempo a inteligência lógico-matemática foi tida como o principal parâmetro para avaliar a capacidade intelectual dos indivíduos nos testes de QI e, até hoje, continua sendo bastante estimulada desde os primeiros anos de vida escolar.

Aqueles que se enquadram nesse perfil possuem maior facilidade para lidar com números de modo geral, elaborando equações, fazendo cálculos e encontrando soluções para problemas mais complexos. Além disso, costumam ser organizados, disciplinados e com boa capacidade de memorização.

Inteligência linguística

Juntamente à inteligência lógico-matemática, a linguística — ou verbo-linguística — também é bastante explorada durante o período estudantil e está relacionada à expressão oral, construção e interpretação de textos e ao aprendizado de idiomas.

É uma característica extremamente importante em todos os campos de atuação profissional, uma vez que a facilidade de comunicar e expressar ideias de forma clara e objetiva são competências bastante valorizadas pelas empresas.

Inteligência motora

Também chamada de corporal-cinestésica, esse tipo de inteligência está diretamente relacionado à coordenação e ao uso racional das habilidades do corpo humano como equilíbrio e noção de espaço, de profundidade e de distância.

Embora, à primeira vista, esse perfil esteja mais ligado à prática esportiva do que ao dia a dia corporativo, é interessante observar que as atividades físicas contribuem fortemente para o aumento da produtividade, da disciplina e do potencial de concentração, garantindo uma boa performance também no ambiente de trabalho.

Inteligência espacial

Muito comum aos profissionais das áreas de artes gráficas, design e arquitetura, a inteligência espacial é responsável pelo desenvolvimento de uma visão tridimensional dos objetos e sua posição no espaço.

No mundo corporativo, essas características garantem ao profissional um olhar mais detalhista e diferenciado, além de criatividade para enxergar soluções inovadoras que saiam do lugar-comum e o ajudem a ganhar um lugar de destaque no mercado.

Inteligência musical

Esse é um dos tipos mais incomuns de inteligência e contribui para o desenvolvimento de habilidades que vão muito além do aprendizado de teorias, instrumentos ou construção de harmonias e melodias.

No dia a dia de trabalho, saber ouvir com atenção e manter a concentração e a disciplina são competências valiosíssimas que ajudam a destacar os profissionais de qualquer área de atuação.

Inteligência naturalista

Embora não tenha sido classificado por Gardner em sua teoria original, esse perfil foi alçado à categoria de tipo de inteligência por sua importância para a sobrevivência da vida humana. Afinal, a consciência ambiental, o respeito e a preservação da natureza devem ser preocupações de todos, não apenas dos profissionais que atuam em carreiras ligadas ao meio ambiente.

Porém, foi apenas nos anos 1990 que a inteligência naturalista entrou para o rol dos diferentes perfis intelectuais, ajudando a identificar características indispensáveis aos gestores, como a capacidade de análise e uma sensibilidade que os torna capazes de identificar as necessidades e potencialidades de suas equipes.

Inteligência interpessoal

Falando em gestores, a inteligência interpessoal é mais uma das competências presentes naqueles que ocupam cargos de liderança e têm o importante papel de inspirar e motivar os colaboradores de suas empresas.

Práticos e objetivos, esses profissionais têm uma grande capacidade de persuasão, empatia e boa comunicação que os ajudam a gerenciar suas equipes, coordenar projetos com sucesso e conquistar resultados com excelência, criatividade e eficiência.

Inteligência intrapessoal

Juntamente à inteligência musical, a intrapessoal também está entre os perfis intelectuais mais raros entre os seres humanos e, justamente por isso, é altamente valorizada no mercado de trabalho e está ligada a um outro perfil de liderança.

Entre as principais competências desse perfil, podemos destacar a capacidade de autoconhecimento, avaliação dos pontos fortes e fracos e sensibilidade para compreender quais são as aspirações e objetivos de outras pessoas.

Inteligência existencial

Esse tipo de inteligência, ainda pouco aperfeiçoado por muitos profissionais, está relacionado ao desenvolvimento do autoconhecimento e à capacidade de refletir racionalmente sobre a própria existência.

A partir daí, é possível traçar objetivos profissionais e pessoais de forma mais consciente, além de fortalecer habilidades como resiliência, paciência e produtividade, essenciais para se destacar no mercado de trabalho.

Inteligência emocional

Por último, mas não menos importante, vamos encerrar este tópico falando sobre mais um tipo de inteligência que, embora não tenha sido originalmente descoberto por Gardner, deve estar aliado aos demais e faz toda a diferença para o crescimento pessoal e também profissional: a emocional.

Ao permitir que o indivíduo conheça as suas potencialidades e limitações, a inteligência emocional faz com que ele aprenda a lidar com diferentes situações e tipos de pessoas, promovendo a integração e buscando as melhores soluções para cada caso.

Como desenvolver os diferentes tipos de inteligência?

Uma vez que você já conhece quais são os tipos de inteligência que mais se enquadram em sua personalidade, outro ponto de grande importância é saber como desenvolver essas capacidades cognitivas para aumentar ainda mais o seu potencial intelectual.

Neste tópico, vamos apresentar algumas dicas para que você descubra como fazer esse exercício na prática. Veja a seguir!

Tenha uma atitude positiva

Manter a motivação é um dos segredos para quem deseja desenvolver melhor os seus tipos de inteligência. Afinal, o sentimento de autorrealização é capaz de nos impulsionar e fazer com que busquemos sempre atingir o nosso melhor.

Saiba gerenciar bem o seu tempo

Ter o controle da sua rotina e das suas atividades faz com que você seja mais organizado e, consequentemente, mais produtivo. E, para conquistar esse objetivo de forma eficiente, uma boa dica é manter um cronograma estruturado e segui-lo à risca, com disciplina e pontualidade.

Aprenda algo novo

Adquirir novos saberes é uma das formas mais eficazes de exercitar o cérebro. Além de estimular a memória e a capacidade de associação, você ainda diversifica a sua gama de conhecimentos, desenvolvendo habilidades que podem garantir um diferencial para o seu currículo profissional.

Cuide bem da saúde

O corpo e a mente trabalham em conjunto, e cuidar bem de ambos os aspectos garante não apenas qualidade de vida mas também contribui para que você consiga conquistar os seus objetivos com excelência.

Por isso, independentemente da rotina atribulada de trabalho, procure manter uma alimentação saudável, pratique atividades físicas e tenha um sono de qualidade para garantir mais disposição e produtividade!

Segundo Jean Piaget, a nossa inteligência é dinâmica. Por isso, exercitá-la é essencial para que consigamos nos desenvolver intelectualmente e aumentar nossas habilidades, garantindo mais destaque tanto no âmbito pessoal quanto na carreira.

Agora que você já conhece os diferentes tipos de inteligência e aprendeu mais sobre como desenvolvê-los em seu dia a dia, aproveite para compartilhar este artigo com os seus amigos e colegas de trabalho por meio das suas redes sociais!

REMOVER TODOS
COMPARE
0