Sitenoticia

Profissional acha difícil mudar de comportamento, diz pesquisa

67% dos profissionais brasileiros apontam o desenvolvimento de novas competências e as habilidades em sua área de atuação como aspectos mais importantes de sua carreira. Ou seja, é mais fácil adquirir conhecimentos do que mudar comportamentos. Essa máxima é uma das principais constatações de pesquisa recente da consultoria ETalent com apoio da Catho, site de empregos.

A pesquisa ainda mostra que cerca de 3 em cada 10 entrevistados citaram questões relacionadas ao autoconhecimento, como “descobrir quais são os seus principais talentos” e “entender qual é a sua atitude diante de diferentes situações”.

“Esse é um erro ainda muito comum entre muitos profissionais brasileiros. Relegar o investimento no autoconhecimento é diminuir consideravelmente suas chances de sucesso na vida. Afinal, grande parte dos processos de seleção e recrutamento estão estruturados na gestão comportamental de pessoas. Assim, quem conhece seu talento e suas principais características comportamentais sai na frente na busca pelas melhores e mais adequadas oportunidades profissionais”, explica Jorge Matos, presidente da ETalent.

Segundo a pesquisa, a boa notícia é que 20% dos jovens entre 18 e 25 anos acreditam na importância do autoconhecimento no planejamento de suas carreiras. No recorte por idade, a resposta ‘Descobrir quais são os seus principais talentos’ alcançou 19,8% ante os 13,2% dos respondentes com mais de 35 anos.

“A construção de um profissional de sucesso pressupõe que as pessoas conheçam suas características comportamentais, descubram seu tipo de inteligência, corram atrás dos seus sonhos, escolham as formações acadêmicas que tenham a ver com o seu tipo de inteligência e suas expectativas e venham a exercer funções que estejam alinhadas à sua formação acadêmica e aos seus comportamentos”, destaca Matos.

O estudo foi realizado com base em 5.294 respostas obtidas por meio de questionário online entre os dias 6 e 13 de março de 2015.

Fonte: Canal Executivo