Como Escolher O Melhor Curso Sobre Governanca Corporativa E Compliance.jpeg

Muitas pessoas sonham em crescer na carreira executiva sabendo que um dos maiores fatores que contribuem para isso é ser um profissional bem preparado. Entre os vários cursos e áreas que podem ser exploradas, hoje vamos falar um pouco sobre a Governança Corporativa e Compliance.

Talvez esse seja um termo ainda não muito conhecido, mas que certamente é relevante para o desenvolvimento de organizações sustentáveis e bem-sucedidas.

Ficou interessado em saber o que isso significa e para quem esse curso é indicado? Continue a leitura deste artigo e descubra como escolher a melhor instituição para se tornar especialista no assunto!

O que é um curso de Governança Corporativa e Compliance?

O objetivo do curso é fazer com que os estudantes aprendam a lidar com os desafios originados pelos aspectos teóricos e estratégicos da Governança Corporativa, otimizando o valor de uma organização.

Para quem não sabe, esse tema é relacionado aos sistemas que gerenciam grupos de empresas. No mundo contemporâneo, essa é uma situação bastante comum e que exige um alinhamento entre os membros da diretoria (do conselho ou qualquer que seja a denominação escolhida) para que os interesses dos sócios sejam preservados.

Então, é necessário investir em práticas de transparência, organização, ética, comunicação e monitoramento para facilitar toda essa relação. Isto é, a instituição deve se preocupar em traçar estratégias para demonstrar o seu valor e rentabilidade para os seus responsáveis (acionistas, diretores, conselheiros etc.).

Ao mesmo tempo, o Compliance surge como um instrumento desse tipo de governança, garantindo que a atuação da empresa está dentro das normas e leis do mercado. Ele funciona como recurso de eficiência e comprometimento que contribui para o fortalecimento da sua imagem.

Assim, é possível conectar as expectativas da administração com a realidade vivida na rotina do negócio — inclusive, identificando falhas e pontos que precisam ser melhorados. Consequentemente, isso tende a favorecer o alcance das metas e resultados esperados.

Qual é o público-alvo desse curso?

O curso de Governança Corporativa e Compliance se destina a pessoas que trabalham ou têm interesse em trabalhar com essa área em uma corporação. Contudo, vale ressaltar que há a exigência de uma certa maturidade para que os ensinamentos sejam bem aproveitados pelos alunos.

Normalmente, é preciso comprovar alguns anos de experiência no mercado como gestor, empreendedor, executivo ou líder de uma equipe. O conhecimento adquirido pode ser utilizado tanto para aprimorar a atuação profissional quanto para garantir novas perspectivas de carreira. Entre os temas estudados estão:

  • Gestão de Pessoas;
  • Aspectos Societários e Tributários;
  • Desenvolvimento de Equipes para a Alta Administração;
  • Gestão de Riscos;
  • Modelos de Ouvidoria, entre outros.

Quem conquista o certificado desse curso tem grande relevância no mercado de trabalho atual, pois um dos maiores problemas enfrentados pelas empresas é justamente encontrar profissionais capacitados para estruturar esse setor.

Muitas vezes, a integridade do negócio sofre com a falta de alguém que coloque em prática as ideias de Governança Corporativa e Compliance. O problema é que reverter esse contexto costuma ser muito mais complicado do que apostar nessa tendência.

Como escolher uma boa instituição para aprender sobre o assunto?

Não há dúvidas de que uma das melhores formas de conquistar boas oportunidades de trabalho é investir em qualificação. Logo, se você tem o desejo de se destacar no ramo de Governança Corporativa, aproveite as nossas dicas de como escolher uma boa instituição de ensino para obter esse título.

Qualificação do corpo docente

Esse é um ponto que faz toda a diferença na hora de eleger um curso de qualidade. Afinal, ainda que o material seja ótimo e a instituição de ensino tenha boas referências, os professores é que são os responsáveis pela transmissão do conhecimento.

Sendo assim, ter um corpo docente bem preparado e cheio de bagagem executiva é essencial, até porque a sala de aula é um ambiente propício para a troca de experiências. O professor deve ter know-how suficiente para contribuir com a formação dos alunos para enfrentar desafios no futuro.

Parcerias com empresas

Conhecer as tarefas realizadas por um profissional da sua área de interesse é outro ponto relevante para uma boa preparação. Só quem vive o dia a dia de trabalho é capaz de transmitir suas maiores dificuldades e conhecimentos.

Por isso, procure por instituições que se preocupam em fazer parcerias com empresas que viabilizam essa aproximação. As visitas técnicas são ferramentas de aprendizado muito especiais e devem ser incentivadas — sem contar que ainda podem ajudar no desenvolvimento do seu networking.

Convênios com instituições internacionais

Cursar um módulo fora do Brasil é um grande benefício oferecido por algumas escolas. Muitas pessoas já fizeram um intercâmbio para estudar um segundo idioma, o que é muito diferente de participar da comunidade acadêmica de um centro de referência na sua área de atuação.

Essa oportunidade internacional é capaz de agregar muito ao currículo, não só pelo nome como pela própria experiência vivenciada pelo estudante. O contato com outra cultura e a chance de conhecer o ambiente de negócios tão de perto em outro país certamente possibilitam uma formação diferenciada.

Certificação dupla

Quanto mais conhecimento acumulado melhor. Por essa razão, conquistar uma certificação dupla é um atrativo e tanto. Existem programas que combinam formações, como uma pós-graduação com um MBA.

Ou seja, é um jeito de economizar dinheiro e tempo, sem perder o foco no seu desenvolvimento profissional. Ao final, você garante uma capacitação completa e um certificado que vale literalmente por dois.

Reconhecimento do mercado de trabalho

Quando o próprio mercado oferece um feedback positivo do curso, é um ótimo sinal de que vale a pena investir nele. As empresas percebem a qualidade dos profissionais formados e começam a procurar por pessoas com uma formação semelhante, o que aumenta o nível de empregabilidade.

Infelizmente, se isso não acontece, as chances de você fazer esse tipo de investimento e continuar sem uma boa posição no mercado são grandes. Diante isso, faça uma pesquisa de mercado para conhecer os nomes mais relevantes e garantir um diploma de peso.

Enfim, depois de saber mais sobre Governança Corporativa e Compliance, não deixe de considerar o curso oferecido pela IBE. Somos conveniados da FGV (Fundação Getúlio Vargas), que é uma das principais instituições de educação executiva do Brasil e atende todos os critérios citados anteriormente. Por isso, não perca mais tempo!

E para continuar recebendo as nossas publicações e ficar por dentro de todas as novidades, siga os nossos perfis no Facebook, LinkedIn, Instagram e Twitter!

REMOVER TODOS
COMPARE
0